O 4 de maio é o dia do Star Wars – e você não precisa ser oficialmente um nerd (como eu) para saber disso. Até a Margareth Tatcher sabe!  (é o que diz a wikipedia)  Explicando: 4 de maio é o Dia de Star Wars graças ao trocadilho em inglês com a forma como se lê a data “May the 4th be with you” – aproveitando essa data  tão especial eu gostaria de comentar uma cena que me impactou muito da última vez que assisti os filmes.

Após ser rejeitado como aprendiz pelo conselho dos anciãos por estar muito velho (mesmo tendo grande capacidade e apenas 10 anos); Anakin Skywalker continua aos cuidados de Qui-Gon Jinn  e  de seu aprendiz Obi-Wan Kenobi e sai com eles em uma missão para libertar o planeta Naboo. O Mestre Jedi Qui-Gon diz ao menino: “Eu não posso te ensinar, mas fique próximo de mim e preste atenção”. Como sabemos, o menino não só aprende a dominar a força, como se torna um mestre Jedi e no final o famoso, mais malvado de todos os malvados, Darth Vader (tan tan tan, tan-tanan, tan-tanaan).

Dominando a Força

O grande problema de dominar a força é exatamente dominar o presente: prestar atenção, estar presente plenamente. Ao que parece é essa a grande lição de Star Wars: existe uma força que permeia tudo, o grande segredo está em senti-la em todo o lugar e não se deixar apegar seja pelo passado (pelos males que possam ter nos acontecido até então, ou mesmo no momento) ou pelo futuro (imaginando variados resultados e tentando controlá-los).

Embora eu esteja  escrevendo isso, eu preciso admitir, não sou grande fã da Saga Star Wars (eu sou uma trekker – fã de Star Trek – vida longa e próspera!) e, mesmo achando o Yoda muito sábio (e fofinho!) nunca prestei muita atenção nos filmes, só me diverti assistindo-os.  Esta cena me chama muita atenção (embora não seja uma cena importante no filme) porque ela demonstra que não precisamos ser ensinados, ser treinados, nós precisamos mesmo é estar presentes e prestar atenção. Da mesma forma, precisamos estar presentes no nosso dia-a-a porque alguém pode estar olhando, prestando atenção e aprendendo com nosso exemplo!

Pesquisando para este post eu encontrei um artigo muito bom (em inglês)  de Matt Brown chamado “Destroy All Monsters: Mindfulness In STAR WARS” que se resume à este parágrafo que traduzi:
Se, como muitos contos de fadas, a saga Star Wars é uma rubrica para saber como ser um jovem moral em um mundo caótico (aqui representada pela questão de seguir o lado da luz versus o lado negro da Força), o argumento basicamente funciona assim: força e poder são encontrados por estar presente no momento em que você está. Isto é mindfulness (atenção plena). Em Star Wars assim como na vida real, esse é um caminho que – se seguido corretamente – vai levar você para desbloquear o seu  mais rico e  mais autêntico ‘eu’.
Então, meu caro Padawan, não se apegue ao passado (à lembrancinhas, papéis, presentes que ganhou e não gostou), não tenha medo do futuro (coisas “para as visitas”, roupa “de festa”) e que a força esteja com você!

 

PS 1:Está começando o inverno, que tal aproveitar para dar uma olhada no guarda-roupa e doar para a campanha do agasalho? Você pode usar a nossa metodologia do armário cápsula e viver o inverno à moda Jedi: vivendo o presente!

PS 2: Comente no nosso grupo do Facebook sobre como você aproveita o melhor do inverno!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s